Mas afinal o que é o EMPODERAMENTO?

Sempre que ouvimos falar a respeito da humanização do parto, percebemos uma palavra “nova”, logo em seguida, o EMPODERAMENTO. Mas o que realmente significa essa palavra?

Segundo o dicionario, EMPODERAMENTO é  o ato de se empoderar, tomar para si poder.”

Se formos trazer para o cenário de parto e nascimento, o EMPODERAMENTO é o ato de tomar para si seu parto. Ou seja, é quando uma mulher faz suas escolhas baseada em muita informação e estudo, não delegando ao profissional, seja o médico obstetra, parteira ou enfermeira obstetra, o poder de decidir sobre seu copro ou sobre seu filho.

O EMPODERAMENTO começa quando a mulher inicia seu desejo de parto e só quando uma mulher DESEJA o parto, ela verdadeiramente se empodera. Ela passa a estudar o que realmente é o nascer no Brasil e nesse estudo, começa o entendimento do que é ou não benéfico para ela e seu bebê. A mulher escolhe qual tipo de parto que ela quer ter, qual o tipo de recepção quer dar ao seu filho neste mundo.

Uma boa arma para o EMPODERAMENTO é a construção de um plano de parto, que nada mais é que passar para o papel seus desejos a respeito do trabalho de parto, parto e pós parto. Pois para escrever um plano de parto a mulher tem que tomar conhecimento de todas as intervenções e condutas que envolvem o nascimento e decidir se quer ou não passar por elas ou deixar que seu filho passe por elas.

O caminho para esse EMPODERAMENTO é muitas vezes bastante árduo, já que ele implica em ir na contramão do sistema atual. Ir contra esse sistema é colocar a mulher à margem, onde muitas vezes ela se sente sozinha e desamparada. Para não se sentir assim, é necessário buscar pessoas e lugares que compartilhem do mesmo desejo de se empoderar, para que as forças se somem, se multipliquem.

O lugar ideal para isso, são os grupos de apoio ao parto, nascimento e à maternidade ativa. Existem muitas cidades brasileiras que contam com esses grupos, que normalmente são coordenados por doulas ou profissionais do parto e gratuitos. Lá pode-se encontrar informações a respeito de profissionais humanistas e materiais para ajudar na construção do empoderamento, como palestras, dicas de leituras, videos, blogs, além de conhecer histórias reais de quem já passou pela experiência de parto humanizado.

Veja aqui se existe um grupo de apoio na sua cidade ou região. lembre-se se na sua cidade existir um grupo desses, não deixe de visita-lo, pois seu parto depende do seu EMPODERAMENTO.

 

Se infelizmente não existir um grupo de apoio perto de você, não desanime, ainda assim é possível construir seu EMPODERAMENTO com leituras de livros e também vídeos que contém informações preciosas.

Livros:

  • Parto Ativo – Janet Balaskas
  • Memórias de um homem de vidro – Ricardo H. Jones
  • Orelhas de vidro – Ricardo H. Jones
  • Parto com amor – Luciana Benatti
  • Parto normal ou cesárea, o que toda mulher deve saber – Ana Cristina Duarte e Simone Diniz
  • O Renascimento do parto – Michel Odent
  • A cientificação do amor – Michel Odent
  • A cesariana – Michel Odent
  • O camponês e a parteira – Michel Odent
  • Água e sexualidade, a importância do parto ecológico – Michel Odent
  • Lobas e grávidas – Lívia Penna Firme Rodrigues
  • Mulher, parto e psicodrama – Vitória Pamplona

Vídeos:

  • O Renascimento do Parto
  • De volta para casa
  • Le Prime Cri

 

Anúncios
Este post foi publicado em 20/04/2014 às 0:49. Ele está arquivado em Uncategorized e marcado , , , . Guarde o link permanente. Seguir quaisquer comentários aqui com o feed RSS para este post.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: